Pets no casamento

Estes nossos amados animaizinhos são tão queridos por nós que seria difícil imaginar deixá-los de fora em um momento tão especial como nosso casamento, não é mesmo?

Muitas vezes tratados como um membro da família eles alegram o ambiente e são apaixonantes, mas mesmo sentindo este desejo imenso de tê-lo ao seu lado no momento do sim, algumas ponderações e observações serão de grande valia no momento de decidir se o seu animalzinho irá ou não participar da cerimônia.

Antes de mais nada pense com calma todas as situações que podem vir a ocorrer antes de decidir se ele irá ou não ao casamento… Esta data precisa ser um momento de muita alegria, por isso colocamos aqui umas dicas para ajudar na sua decisão:


Avalie o comportamento do seu Pet:

Agitado ou calmo?

Como ele se comporta em casa?

E quando chega visita?

Late muito?

…Qualquer barulhinho ele late?

Costuma morder? Já aconteceu? Se sim, melhor não arriscar.

Sendo ele mais calmo, do tipo que late pouco e que não morde ninguém já temos um bom indício para incluí-lo nesta história.


Caso ele seja mais agitado e mesmo assim você tenha o desejo de marcar o momento com sua presença. Você pode optar por tentar que ele participe indiretamente, com fotos marcadas para uma outra data, com plaquinhas divertidas ou com a data do casamento, assim ele ficará de alguma forma para sempre na lembrança de vocês e dos convidados.

Pontos importantes:


Bem-estar dele

Certifique-se de que seu animalzinho ficará à vontade e sem estresse, peça a alguém para que prepare um cantinho cômodo aonde ele possa ter água, comida em uns brinquedinhos para que possa ficar tranquilo.


Treine o seu Pet

Treine-o várias vezes e de preferência com um adestrador de sua total confiança.


Prepare-se para imprevistos

Mil coisas podem acontecer, diferente do planejado se o seu Pet estiver na cerimônia… Latir, correr, enfim, muitas situações inusitadas podem simplesmente surgir do nada… Por isso tenha em mente que não adianta se preocupar tanto, tente lidar com o momento de forma leve, porque imprevistos sempre acontecem.



Avise seus convidados

Importante que os convidados saibam da presença do seu pet no evento. Convidados que tem medo de animais ou alergia severa devem ter ciência da presença dele na festa, para que tudo corra da melhor maneira possível.


Deixe o fotógrafo ciente

Aquele que vai eternizar o momento de vocês precisará saber com antecedência sobre este convidado tão amado. Vocês poderão até mesmo combinar alguns clicks mais especiais.


Dê preferência a cerimônia ao ar livre

Se gosta da idéia…

Para que seu Pet se sinta melhor e menos assustado, a cerimônia ao ar livre pode ser uma boa pedida… Pense nisso.


Vestindo seu Pet

De gravatinha borboleta à mini véu, passando por coletes e guirlanda de flores… As opções para deixar teu melhor amigo com a cara do casamento, são muitas. Vestir o seu pet para festa pode dar um charme a mais a cerimônia. Não esqueça de testar antes, para ver como ele se comportará com a nova vestimenta.

Uma pessoa responsável

Escolha alguém que conheça bem o seu bichinho para que seja responsável por ele durante todo o tempo, antes, durante e após a cerimônia.


Pets no casamento

Enfim, pondere bem estas questões e estando confiante de sua decisão, preencha seu coração de amor e se for o caso, vá em frente com a sua ideia e com seu querido pet!